Viagem | Köszönöm Budapeste

  Edifício do Parlamento Húngaro

 A terceira paragem foi feita em Budapeste, Hungria! Podem ler sobre as paragens anteriores em Viena (aqui) e em Bratislava (aqui).
  A maior aventura foi na Hungria, sem dúvida alguma. Budapeste tem um brilho muito especial e foi a minha cidade favorita nesta viagem, mas no início nunca diria que se iria tornar tão especial.
 Chegámos de comboio de Bratislava, por volta das dez da noite e não imaginam o choque! Comparativamente a Viena, os edifícios aparentam ser mais velhos e não tão bem cuidados. Existem mais pessoas a dormir nas ruas e assistimos a alguns negócios "estranhos". O inglês deles também não é o melhor e placas, para esquecer. O Húngaro é uma língua que não se parece com nenhuma língua que alguma vez tenha ouvido. Fizemos câmbio do dinheiro (a moeda que utilizam lá é o florim) e procurámos um táxi.
  Isto foi com o que nos deparámos na nossa rua e nas dos arredores:

Photo: László Balkányi/We Love Budapest

 Mais tarde viemos a descobrir, um conceito bastante interessante! Pelo menos uma vez por ano, tiram de casa tudo, TUDO o que possam imaginar e metem nas ruas para quem quiser ir lá escolher, gratuitamente. Mas imaginem chegar a um país estrangeiro, à noite, num cenário apocalíptico. Entrámos em casa e já não saímos nessa noite. Vejam o aspecto exterior do prédio para ajudar à festa:
 Além de tudo isto, o taxista roubou-nos. Além de pedir um valor exagerado para a distância, sem ainda conhecermos bem o dinheiro permitiu-lhe, levar uma nota bem maior no meio das restantes. Posto todas estas circunstâncias nessa noite não tivemos sequer coragem de sair de casa para jantar, com receio e bastante desiludidas com o primeiro impacto. Acreditem, nesse dia jantei uma caixinha de mel que tinha trazido do MacDonalds em Áustria e um saquinho de gomas que nos deram na TAP. O que nos rimos disto no fim.

Onde ficámos?
  Desta vez através do Airbnb, ficámos num apartamento que se chama FUNHOUSE Cozy Garden, felizmente bem mais acolhedor que o prédio. Completamente renovado, bem decorado e muito tranquilo. Não tem quartos, são um género de camas suspensas por cima da sala e da cozinha.
 Apesar de bastante antigo, o prédio tem uma porta com código para entrar, é bastante seguro.

Transporte:
 Assim como em Viena, utilizámos o Hop on Hop Off Bus. Em Budapeste o bilhete tem o mesmo preço para 3 dias, com um passeio de Barco no Danúbio, que em Viena para 1 dia. Por isto, já estão a ver as diferenças positivas, certo?Apesar da diferença de preço, o esquema é exactamente o mesmo.

 No dia seguinte decidimos sair cedo para perceber exactamente o ambiente da cidade, para voltarmos cedo, com receio. As ruas já estavam limpas, sem rasto do cenário pós-guerra da noite anterior. Explorámos a pé, chegámos ao rio Danúbio e gostámos tanto da vista e do ambiente, que nos sentámos numa esplanada e ficámos para ver o anoitecer. 
O que visitámos?
 Mais uma vez não entrámos em muitos sítios, mas andámos mesmo muito! E visitámos o máximo de monumentos e pontos principais que conseguimos.

Ida ao Bastião dos Pescadores e Igreja Matias com vista para o Parlamento
 Esta é a minha fotografia favorita de toda a viagem! O timing perfeito, um casal de pombinhos a namorar.
Palácio Real e Jardim do Castelo
 A situação mais engraçada e inesperada da viagem foi aqui. Estávamos descansadas a perceber por onde passava o autocarro, que terminou a linha naquela hora neste sítio, quase oposto a onde estávamos hospedadas. Planeávamos visitar este sítio no dia seguinte, mas já que ali estávamos tirámos logo umas fotografias e fomos saber as informações sobre as famosas termas, para no dia seguinte voltarmos.
 Encontrámos dois portugueses quando estávamos a fotografar e mais tarde encontrámos um grupo de 4 portugueses. Funny story: Passámos pelos mesmo sítios em Áustria, com horas de diferença e fomos encontrar-nos em Budapeste no último dia de férias deles. Acabámos por passar o resto do dia com eles, e conhecer também os famosos ruin bars, que provavelmente sozinhas não teríamos arriscado.
Praça dos Heróis
Ruin Bar


Széchenyi Baths, as famosas termas

Memorial Shoes on the Danube

 Decidimos deixar para o último dia a compra de souvenirs, para darmos o último passeio a pé, em que finalmente tirámos fotografias na ponte mais famosa de Budapeste. Achei que devia existir uma loja da marca NYX algures, o que resultou numa caminhada imensa. Mas encontrámos! Ahaha.

O que comemos:
 Quero sublinhar o restaurante Marvelosa! Super acolhedor e caseiro. Comida típica muito bem confeccionada e as sobremesas muito bem servidas! Nesta fotografia temos as sobremesas, Jusztika que é um género de um pão doce mergulhado em baunilha com canela e Kákonyi que parecem ter a massa dos profiteroles, servidos com um género de leite-creme e sementes de papoila. Muito diferentes, mas gostámos de ambas! 
 Quanto aos chimney cakes, também típicos desiludiram. Só não tenho a certeza se a culpa foi nossa por não os termos recheado! 
 Gostava muito de voltar, porque mesmo com 5 dias, ficaram coisas por ver. É realmente uma cidade encantadora, que nos fez esquecer a impressão da primeira noite! As ruas são muito iluminadas e existem câmaras de filmar em grande parte delas. Pelo que entendemos, a cidade é dividada em distritos e apenas 2 ou 3 deles são mais perigosos e a evitar.
 Dicas principais: Muita atenção ao dinheiro, porque é fácil de nos confundir. E nunca apanhar táxis na rua. Welcomepickups.com foi onde reservámos o táxi para o aeroporto na volta e correu tudo lindamente. 

 E vocês, já visitaram a Hungria? Contem-me tudo. Se tiverem alguma dúvida relacionada com esta viagem estejam à vontade para perguntar nos comentários ou enviar mensagem. Responderei com todo o gosto!
E fiquem atentos porque ainda falta mais uma paragem! Beijoooo. RV

CONVERSATION

15 comentários:

  1. Nunca visitei mas é um dos sítios que espero visitar! Muitas pessoas disseram bem da experiência que tiveram e realmente pelas fotografias conseguimos ver o encanto!
    Beijinhos <3

    pimentamaisdoce.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Siiim! Tem mesmo qualquer coisa de especial, vale muito a pena e fiquei com vontade de voltar :)
      Beijinhoo

      Eliminar
  2. Lovely pics <3 Lots of love! Wonderful post dear
    Beauty and Fashion Freaks

    ResponderEliminar
  3. Assustei-me logo na fotografia do lixo! Mas felizmente no dia seguinte estava tudo limpinho, tens fotografias lindíssimas! Os lugares são maravilhosos :)
    Convido-te a visitares o meu novo blog, especialmente dedicado ás redes sociais e tudo o que envolve fotografia!
    Beijinho, Bárbara
    MisturaPossessiva

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Siiim, imagina esse cenário à noite, logo a primeira impressão ahaha. Obrigada!!
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Adorei o post!Estou querendo viajar para lá tb.
    bjs

    sabrinaoliveratta.com | Instagram

    ResponderEliminar
  5. Olá
    Que grande aventura. Gostei muito das fotos e tu fizeste de guia de um modo perfeito.
    Bom domingo.
    Marisa

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se foi! Ainda bem, muito obrigada :))

      Eliminar
  6. Budapest looks like an amazing place to visit :)
    thanks for sharing your experience!

    http://lalabetterdayz.blogspot.com.es/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. It is!! You're welcome, thank you!! :D

      Eliminar
  7. Não imaginava assim Budapeste e são publicações como a tua que acabam por ajudar a quem está a pensar visitar, pelo menos vai melhor preparada para o que pode encontrar. Mas ao menos viram sempre o lado positivo das coisas! :)

    She Walks Blog

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada! É sem dúvida diferente do que esperava, com algumas surpresas menos agradáveis eheh. Mas cale muito muito a pena!
      Obrigada!

      Eliminar

Obrigada pelo teu comentário :)

Back
to top